Crear cuenta Mailrelay Crear cuenta Mailrelay Crear cuenta Mailrelay

Preparação técnica de landing page e de website para enviar campanha email marketing

Publicado por Noé Soriano em 04/06/2015

Preparação técnica de landing page

A criação de uma landing page deve ser feita com muito cuidado em qualquer campanha de email marketing, especialmente quando procuramos obter registros. Ou seja, quando há grande variedade de aspectos para serem testados, verificados e otimizados detalhadamente: posição do formulário, chamadas à ação, testadores de dados inseridos, etc.

Por desconhecimento, em muitos casos, o aspecto mais importante da estratégia é negligenciado: onde está alojada a landing page e quais os serviços prestados pela hospedagem. E isso é o mais importante porque, se falhar, todo o trabalho será inútil, porque tudo o que os usuários irão ver ao clicarem nos links será uma página de erro como esta:

fail

Como esta imagem mostra, é algo que pode acontecer até com grandes empresas, então será preciso planejar bem este aspecto antes de enviar campanha email marketing, principalmente se for um grande volume de emails.

Além disso, nesses casos, o custo da campanha será muito mais elevado. Muitos gerentes de email marketing perderam o emprego quando uma campanha de email marketing fracassou devido a um erro no servidor de hospedagem.

Existem vários problemas que podem ocorrer no servidor que hospeda a landing page, que vamos ver neste post. Antes vamos analisar por que eles ocorrem e como podemos prever este tipo de incidências.

Basicamente, isto pode ocorrer devido a um aumento acentuado e inesperado no número de visitas. Acentuado, porque o número de visitas irá aumentar muito em pouco tempo, inesperado porque normalmente, ao enviar campanha email marketing o aumento de tráfego é moderado e não ocasiona nenhum tipo de falhas nos servidores.

Sabendo isto, é fácil ver que essas falhas nos servidores ocorrem principalmente quando a empresa precisa enviar uma campanha email marketing especial, a base de dados é ampliada rapidamente, quando a velocidade de envio e acelerada  significativamente, etc. Também ocorrem geralmente quando a primeira campanha é enviada, ou seja, quando começamos a trabalhar com email marketing  e não temos dados empíricos sobre se o servidor utilizado poderá  suportar o tráfego gerado.

Já  sabemos quais são as causas, mas, como é possível prever e evitá-las?

Geralmente, antes de enviar campanha email marketing para um número maior de assinantes do que o normal, é recomendável entrar em contato com o webmaster ou gerente de TI de modo que os problemas possam ser evitados, bem como para fazer uma previsão de recursos e ajustes necessários para suportar o tráfego.

Podemos até mesmo dar-lhe um valor aproximado com base na velocidade de entrega e as percentagens habituais de taxas de visualizações, usando esta fórmula simples:

VISITAS APROX POR HORA =   ((Nº emails que serão enviados /100) * persentagem habitual de clicks) / (Nº emails que serão enviados / Velocidade de envio por hora * Se a metodologia de entrega fizer com que os emails sejam abertos imediatamente por todos os assinantes, (por exemplo quando a campanha é enviada durante a madrugada) basta remover a segunda parte da fórmula e nesse caso, você precisará informar que as visitas irão ocorrer em um momento específico.

** Também é aplicável às visualizações, em vez de cliques, alterando os dados correspondentes para calcular as chamadas à ação utilizadas nas imagens das newsletters, quando estiverem hospedadas em nossos servidores web.

Com estas informações o gerente de TI ou webmaster poderá tomar as medidas necessárias para evitar os seguintes problemas que podem fazer com que o servidor não consiga suportar o tráfego gerado pela sua campanha:

  1. Que o servidor não consiga suportar todas visitas simultâneas e falhe, dando um erro para todos os usuários que tentarem acessá-lo posteriormente.
  2. Que o limite de tráfego mensal seja consumido e um aviso de quota excedida seja exibido.
  3. Que o espaço em disco do hosting seja utilizado devido aos logs que serão gerados.
  4. Se um formulário for utilizado, quando a empresa estiver usando localhost como smtp, ele geralmente terá um limite por hora e muitos registros podem não chegar. Por exemplo em hostings compartilhados este limite é de 100 emails por hora e caso este limite seja superado, nenhum registro será enviado até a próxima hora).
  5. o acesso pode ser bloqueado pelo firewall do servidor que poderia interpretar as múltiplas visitas de centenas de ips simultâneos como um ataque.

É muito importante também revisar outros aspectos técnicos relevantes, como por exemplo:

  1. Verificar se o IP do servidor de hospedagem não está em listas negras de spam, pois isto poderia afetar tanto a entrega como os emails de confirmação caso você utilize um formulário de assinatura.
  2. Verificar se a landing page é compatível com todos os dispositivos e navegadores e não utiliza elementos que poderiam ser bloqueados ou não funcionar (como por exemplo Adobe Flash).
  3. Verificar se o código do website e da landing age não contém qualquer problema de segurança que poderia fazer com que o antivírus exiba um aviso.
  4. Confirmar se o certificado SSL está atualizado e bem configurado para evitar que qualquer aviso seja exibido.

 

Lembre-se que, para enviar campanha email marketing para uma base de dados com muito assinantes, é recomendável fazer um piloto inicial enviando por exemplo 10 a 15% do total, para detectar potenciais problemas que poderiam afetar sua campanha.

Sempre que você estiver preparando uma campanha crítica que não possa falhar (por custos ou incapacidade de reenviá-la, por exemplo) será também conveniente usar ferramentas de simulação de tráfego para testar os servidores, utilizando ferramentas de detecção de falhas no website/ landing page e sistemas de alerta para webmaster para que este seja notificado assim que ocorrer qualquer problemas com o servidor.

Aqui estão algumas muito úteis:

loadimpact

Loadimpact: (simulador para testar tráfego em websites sob demanda).

Webpagetest: (serviço de revisão e detecção de problemas de websites e domínios).

Pingdom: :(sistema de monitoramento de servidores, websites e serviços com avisos de queda).

Estas são algumas das técnicas que você deve utilizar para enviar campanha email marketing sem ter qualquer tipo de problema em todo o processo.

Inscreva-se na newsletter da Mailrelay:

Não vamos oferecer-lhe o típico PDF ou ebook que você nunca irá ler (você sabe que isto é verdade). Prometemos enviar-lhe conteúdo de qualidade periodicamente, com informações úteis para ajudá-lo em sua estratégia de email marketing.

Também não vamos encher sua caixa de entrada com emails de venda, só vamos enviar-lhe artigos e dicas relevantes para seu negócio.

Comentários

  1. Roberto Quiles

    Felicidades, por esto blogs y mensaje.Soy nuevo con vosotros y las informaciones que recibo altamente interesantes Estoy empezando a aprender con vosotros. Gracias

    05/06/2015 - 17:36:31 Publicar una respuesta
  2. Nelson

    Gracias mis amigos de mailrelay, cada vez que me llega un correo de ustedes, se que algo nuevo voy aprender… mil gracias

    04/06/2015 - 16:10:34 Publicar una respuesta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Menu Title