A publicidade digital está mudando, você também deveria mudar?

Publicado por Emanuel Olivier em 15/11/2018

publicidad digital

Quando falamos sobre a evolução da publicidade digital, temos que olhar para trás e admirar tudo o que conseguimos alcançar até agora. Há alguns anos atrás, você tinha que gastar muito dinheiro para atrair novos clientes. Pequenas empresas tinham que se contentar com anúncios locais, enquanto marcas conhecidas investiam milhões em anúncios na TV, rádio e revistas. No entanto, hoje em dia qualquer empresário pode anunciar produtos ou serviços para uma audiência segmentada com apenas alguns cliques; e sem precisar investir muito para começar.

Mas acontece que o mercado atual está em constante evolução e exige que façamos uma análise do que estamos fazendo e do que precisa ser alterado novamente.

A publicidade digital é um daqueles pilares que nunca devemos ignorar no mundo competitivo online e, embora as mudanças ocorram lentamente, é importante entender como essas transformações irão afetar o mercado no futuro.

Hoje, vamos falar um pouco sobre estas alterações, para ajudar você a se preparar para estas transformações.

Vamos começar!

¡Envía hasta 75.000 emails gratis!

· O que está mudando?

► Google e Facebook: duas ferramentas poderosas com anúncios inigualáveis

Até agora, a melhor maneira de alcançar o público certo era através do Google Adwords e sua maneira fantástica de oferecer nossos anúncios em diferentes páginas ou sites, além de nos permitir nos posicionar em primeiro lugar sem gastar tanto tempo trabalhando com SEO.

Mas o Facebook chegou para revolucionar este mercado e criou um sistema de anúncios segmentados que trouxe várias vantagens para empresas de todos os tamanhos.

O Google sempre dominou este mercado, mas ultimamente o Facebook tornou-se um competidor mais forte.

De fato, um estudo realizado pela eMarketer confirmou o seguinte: 63% da publicidade digital nos Estados Unidos “passa” por esses dois gigantes.

O Google, em 2017, lucrou 24 bilhões de dólares em publicidade digital, enquanto o Facebook levou 10 bilhões de dólares deste bolo.

O outro terço do mercado está sendo absorvido por outros players, como Microsoft, Amazon, Twitter, entre outros:

publicidad online

Muitos analistas concordam que o Twitter não conseguiu se estabelecer neste mercado, embora esta plataforma tenha milhões de usuários em todo o mundo.

Com isso, precisamos responder uma questão vital: o Twitter ainda será um bom canal para anunciar? Porque esta plataforma não conseguiu acompanhar outros sites de mídias sociais?

É difícil responder a esta pergunta em poucas palavras, mas o mais importante é entender que você deve escolher o melhor canal para sua estratégia, não importa se é o sistema mais usado, ou uma plataforma de nicho.

► O vídeo chegou para ficar

Desde 2016, leio frequentemente sobre o papel que o vídeo está assumindo no marketing digital; Parece que os usuários da Internet estão se sentindo muito confortáveis com o formato e é por isso que vemos mais e mais comerciais em vídeos.

Por exemplo, o YouTube está vendendo mais e mais anúncios e, em cada reprodução, inclui um anúncio em vídeo e o Facebook está fazendo a mesma coisa.

Sei, como ninguém, que anúncios pagos tendem a ser irritantes para os usuários dessas redes sociais, mas acho que, apesar disso, ainda representa uma boa maneira de adquirir clientes em potencial.

O que o mercado nos reserva com o vídeo é próspero e encorajador, por exemplo, a Cisco, durante o último trimestre do ano passado, publicou alguns números que comprovam que o vídeo irá dominar o mercado cada vez mais:

  1. Até 2021, 81% do tráfego da Internet será dominado pelo vídeo.
  2. O vídeo ao vivo crescerá 15 vezes entre 2016 e 2021.
  3. Você levaria cinco milhões de anos para ver a quantidade de vídeo que será reproduzida mensalmente em 2021.

Ou seja, se dentro dos seus objetivos você está alcançando o público respeitando as demandas do mercado, é justo que você pense em criar vídeos para entreter e atrair a atenção do seu público-alvo.

Você já identificou o tipo de vídeo que implementará?

► A Amazon irá transformar o mercado em muitos outros países

Até recentemente, a Amazon era mais uma plataforma de vendas, mas Jeff Bezos percebeu que precisaria começar a oferecer outros serviços e em poucos anos, ele transformou a empresa em uma gigante global.

Se analisarmos novamente o gráfico do eMarketer, vemos que a Amazon está assumindo um papel na publicidade digital, ou seja, mostra que é preciso muito para chegar ao Google, mas pelo menos em 2017 conquistou 5,4% do mercado de publicidade digital, e de acordo com a mesma imagem, para este ano, calculou se que estaria ganhando mais terreno, chegando a 7.3, o que demonstra que esta plataforma é uma opção relevante.

A Amazon pode se tornar uma ameaça para o Google e o Facebook, porque sabe exatamente o que o consumidor compra.

Esta plataforma coleta informações em tempo real sobre o comportamento de compra dos usuários e pode oferecer anúncios micro-segmentados. Portanto, será amplamente usada por agências de marketing e empreendedores.

Fique atento, acreditamos que este sistema irá oferecer opções para promover negócios de todos os tipos.

No entanto, sempre recomendamos testar, pois o que funciona para nós não necessariamente irá funcionar para você.

Mas ainda precisamos responder a esta pergunta: vale a pena alterar suas ações de marketing e publicidade de acordo com o que está ocorrendo hoje no setor?

Sim, por que é quase impossível gerenciar um negócio de sucesso sem divulgar seu projeto na web. Lembre-se do ditado: “Se você não está online, você não existe.”

E se você quer vender, você precisará alcançar mais pessoas, pois se eles não sabem que você existe, eles não irão visitar seu site.

Você não precisa de muito dinheiro para começar a investir em anúncios pagos, mas se você tiver dúvidas, poderá ler as informações oferecidas pela plataforma que você quer usar.

Você não precisa trabalhar com todos os sistemas ao mesmo tempo; invista com inteligência, mas principalmente baseado em dados reais e não em suposições.

É hora de ler mais, explorar, estudar e analisar.

Emanuel Olivier

Inscreva-se na newsletter da Mailrelay:

Não vamos oferecer-lhe o típico PDF ou ebook que você nunca irá ler (você sabe que isto é verdade). Prometemos enviar-lhe conteúdo de qualidade periodicamente, com informações úteis para ajudá-lo em sua estratégia de email marketing.

Também não vamos encher sua caixa de entrada com emails de venda, só vamos enviar-lhe artigos e dicas relevantes para seu negócio.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Menu Title