Crear cuenta Mailrelay Crear cuenta Mailrelay Crear cuenta Mailrelay

Aprenda sobre seis práticas inadequadas na criação de conteúdo

Publicado por María Jesús Orellana em 08/10/2019

Nunca foi tão fácil encontrar conteúdo sobre qualquer temática online. Grande parte deste material é publicado por empresas que querem posicionar links nas primeiras páginas dos buscadores.

Isto poderia ser algo positivo, pois temos mais informações à nossa disposição, mas o problema é que em muitos casos este conteúdo é de baixíssima qualidade.

Publicar conteúdo irrelevante nunca é uma boa opção.

O marketing de conteúdo é uma das principais ferramentas de qualquer estratégia de marketing digital. Consiste na produção de textos de diferentes tipos que serão publicados para atingir um público alvo específico.

Podemos publicar conteúdo em blogs, redes sociais ou sites em geral.

Empresas de todos os setores estão competindo ferozmente para atrair potenciais clientes. A melhor maneira de convencer alguém a visitar uma página é oferecendo informações relevantes sobre um tópico em concreto.

Criar seu próprio conteúdo tem vantagens inegáveis, pois você poderá melhorar o relacionamento com os usuários que estão visitando seu site em busca das informações que você está oferecendo. Isto será vital para gerar uma comunidade de pessoas leais que frequentemente irão ler o conteúdo que você está postando.

No entanto, muitas pessoas acreditam que quantidade é melhor do que qualidade.  Em outras palavras, algumas empresas publicam toneladas de informações sobre tudo o que eles oferecem, sem parar para pensar se esses textos realmente fornecem valor agregado aos usuários que estão visitando o site delas.

Em muitos casos, marqueteiros publicam conteúdo apenas para alimentar os buscadores, com foco apenas em atrair tráfego, sem se importar com o que os usuários realmente querem ler.

Para não cair nas armadilhas mencionadas acima, veremos alguns erros que muitos profissionais cometem na criação de conteúdo. Evitar essas falhas pode significar a diferença entre alcançar os objetivos desejados ou criar conteúdo irrelevante.

¡Envía hasta 75.000 emails gratis!

· O primeiro erro é não criar uma estratégia global de conteúdo

Antes de começar a criar conteúdo cegamente, você deve usar analisar profundamente a situação atual do seu negócio.

Em resumo, é crucial esclarecer o ponto de partida e os pontos fortes e fracos do seu negócio e dos seus concorrentes.

Não ter uma estratégia global de conteúdo pode levar a um desastre.

Se isto acontecer, você poderia estar desperdiçando dinheiro e tempo.

Para obter um retorno mais alto do seu investimento, você terá que definir objetivos claros e acima de tudo, planejar suas ações com antecedência.

Nesta fase, há certas perguntas que devem ser feitas.

► Para quem eu estou escrevendo?

► Quais são as principais características dos meus clientes?

► Quais são suas dúvidas mais frequentes?

► Como meu negócio é diferente quando comparado com meus concorrentes?

► Qual é a maneira mais eficiente de divulgar meu conteúdo?

► Quais informações são mais lidas no meu site?

Antes de começar a planejar seu conteúdo, você deverá listar as keywords que você deseja usar. Entender como seu site está posicionado para cada busca será vital para definir seus próximos passos.

Além disso, é recomendável ter em mente o customer journey para elaborar conteúdo adaptado às diferentes fases do processo de compra.

Por exemplo, os blogs corporativos são especialmente populares, mas se seu objetivo final é aumentar suas vendas, este não é o melhor caminho.

Um artigo sobre viagens em um site de um hotel será mais útil para atrair usuários que estão buscando por informações básicas do que quando um cliente está pronto para reservar um quarto.

Em resumo, existem várias alternativas para a geração de conteúdo, mas nem todas são válidas para todas as empresas.

Analisar dados de tráfego do nosso site é vital para entender como os visitantes se comportam e qual é a melhor maneira de capturar seu interesse.

No planificar el calendario de contenidos

· O segundo erro é não criar um calendário de conteúdo

Se, como vimos, algumas empresas caem no erro de não ter uma estratégia global de conteúdo, muitas delas se esquecem de preparar um calendário de publicação de conteúdo. O problema é que muitos marqueteiros ignoram fatores como o volume de buscas, sazonalidade e a frequência de publicação.

Vamos imaginar o caso de um super mercado.

Esta empresa iria vender produtos diferentes durante o ano. No verão, eles irão vender mais cervejas, sorvetes, sucos e outros produtos gelados. Durante o inverno, será mais difícil vender estes produtos.

Embora você possa pensar que isto é lógico, não é possível criar um plano de negócios baseado em intuição.

Você deve tomar decisões com base em dados concretos.

Por esse motivo, será vital criar um calendário de conteúdo e gerar relatórios periódicos de cada ação de marketing. Você terá que usar estas informações para medir a eficácia dos textos que você publicou até agora e fazer as alterações necessárias.

Atualmente, existem inúmeras ferramentas no mercado que permitem analisar uma infinidade de palavras-chave e determinar quais são as melhores opções para cada nicho de mercado.

No planificar el calendario de contenidos

Com base nestas informações, você poderá agendar conteúdo para o seu blog e melhorar sua estratégia de marketing digital.

Antes de escrever um novo artigo, você precisará revisar seu calendário para confirmar se o texto que você deseja postar é a melhor solução para atingir seu próximo objetivo.

Você sempre deve escrever conteúdo relevante para o seu setor. Isto significa analisar as keywords mais importantes para o seu nicho e preparar conteúdo para posicionar seu site para estas buscas.

Analisar seus resultados constantemente irá permitir que você faça alterações na sua estratégia de content marketing.

El contenido duplicado y el plagio

· O terceiro erro refere-se a postagem de conteúdo duplicado ou plágio

Infelizmente, muitas pessoas publicam conteúdo plagiado sem qualquer constrangimento.

Por favor observe que não estamos falando sobre conteúdo similar, com texto que abordam a mesma temática, mas sim sobre conteúdo plagiado de sites de concorrentes.

Tirar vantagem do trabalho alheio não é apenas antiético; você pode ter problemas sérios se você optar por copiar conteúdo de outras páginas.

Os buscadores conseguem identificar este tipo de prática facilmente e não irão confiar em um site que não está oferecendo conteúdo original.

Em meados de setembro deste ano, o Google anunciou uma alteração que irá favorecer sites que publicam conteúdo original e diminuir a relevância de conteúdos que apenas estão difundindo textos publicados em outras páginas.

Mas você também não precisa se desesperar e começar a postar apenas informações exclusivas.

Mas você também não precisa se desesperar e começar a postar apenas informações exclusivas.

No caso de dicionários online, por exemplo, seria impossível incluir palavras ou definições radicalmente diferentes das informações publicadas em outras páginas. Isto não irá afetar o ranking destes sites

Por outro lado, plágio é frequentemente confundido com o conceito de conteúdo duplicado.

Embora plagiar significa copiar conteúdo publicado em outros sites, consideramos que o conteúdo foi duplicado quando foi copiado internamente; de outras páginas do mesmo website ou Blog.

Lembre-se de que cada URL é única.

Portanto, postar várias páginas sobre a mesma coisa não é benéfico porque você estaria competindo pelas mesmas keywords e o Google não saberia qual URL exibir.

Isso é conhecido como canibalização de palavras-chave.

Finalmente, devemos alertar sobre as consequências da criação de doorways para redirecionar visitantes para o mesmo destino final.

De acordo com a ajuda do Google, as Doorways são “criadas para obter uma boa classificação em resultados de pesquisa específicos “.

Imagine um site especializado em aluguel de veículos com lojas em várias cidades. Esta empresa poderia criar doorways com diferentes títulos, usando keywords relacionadas à cada cidade, mas direcionando os visitantes para a mesma página para alugar carros. O Google irá considerar este conteúdo como “doorway” porque as páginas oferecem as mesmas informações, porém com objetivos de posicionar para keywords diferentes.

Escribir para los buscadores

· O quarto erro está relacionado com o conteúdo dos textos

Outro erro comum na criação de conteúdo é escrever para os buscadores, em vez de pensar nos usuários e no que eles esperam encontrar ao buscar pela keyword que você está usando.

Vamos usar novamente o exemplo do blog de uma empresa de aluguel de carros mencionada acima. Imagine que você observou que um dos termos mais buscados durante os últimos meses foi “felicitações natalinas”.

Obviamente, as pessoas que estão buscando por ideias originais para saudações de Natal podem estar interessadas em alugar um veículo.

No entanto, alguém que está buscando por este termo não irá acessar um site para alugar um carro.

Este usuário não deseja receber informações sobre este tema, o que irá resultar em uma taxa de bounces muito mais elevada.

A questão se resume a não ser seduzido por táticas que atraem muito tráfego a qualquer preço, independentemente da qualidade destes visitantes.

O número de visitantes só será relevante se a taxa de conversão for proporcionalmente elevada, caso contrário você só estará perdendo seu tempo e gastando dinheiro desnecessariamente.

· O quinto erro está em usar “keyword stuffing” uma técnica cada vez mais difundida

O termo “keyword stuffing”  está diretamente relacionado com estratégias de Black Hat SEO. O que alguns webmasters fazem é adicionar a keyword no texto muitas vezes, para tentar “enganar” o script e convencê-lo a mostrar esta URL quando os usuários buscarem por esta keyword.

Esses tipos de medidas não são apenas ineficazes, mas também podem ser prejudiciais a longo prazo.

Não se esqueça que o Google em particular, e os mecanismos de pesquisa em geral, foram criados para oferecer as melhores URLs para cada termo buscado.

Em outras palavras, quando um usuário busca por uma informação no Google, se os primeiros resultados não oferecerem as respostas para o que ele deseja saber, ele deixará de confiar no buscador. Por isso, quando o Google detecta que o volume de keywords é muito elevado, ou que o texto não foi escrito naturalmente, mas sim como parte de uma estratégia de SEO, o site pode sofrer restrições manualmente ou através do Panda, um algoritmo criado para detectar este tipo de ações.

O Panda faz parte do algoritmo do Google criado para remover páginas com conteúdo de baixa qualidade.

Em essência, este sistema irá diminuir a posição no SERPS desse tipo de sites.

O impacto desta alteração no tráfego será incalculável.

E como recuperar o que foi perdido não é uma tarefa simples, é melhor tentar fazer as coisas corretamente desde o início sem seguir o caminho rápido para aumentar nosso tráfego orgânico.

O último aspecto a considerar é a densidade da palavra-chave.

Infelizmente, não existe uma regra mágica que irá indicar qual é o número perfeito de keywords em um texto.

Os sinônimos podem ser muito úteis porque, além de incluir keywords relacionadas, podemos explicar os mesmos conceitos usando outras palavras, com textos mais interessantes e relevantes.

No incluir enlaces externos de calidad

· O último erro é não incluir links externos relevantes

Você provavelmente já percebeu que muitos sites nunca incluem links externos.

O problema é que muitos webmasters não querem transferir autoridade de domínio para outros sites. Eles acreditam que seria injusto incluir links de sites sem receber algo em troca. No entanto, este é um erro que seu departamento de marketing não deveria cometer.

Incluir links para outros artigos que possam esclarecer conceitos ou oferecer informações adicionais é vital para melhorar seu próprio conteúdo. Os usuários não vivem em uma bolha e sabem que existem centenas de páginas sobre o mesmo tópico.

E com esta recomendação terminamos este artigo sobre práticas inadequadas na criação de conteúdo digital.

Como você viu, evitar esses erros não é algo complicado, você só precisa ter um certo conhecimento básico ou buscar aconselhamento profissional.

Lembre-se destas dicas antes de começar a escrever seu próximo artigo.

María Jesús Orellana


Suscríbete y accede al ebook privado:
Cómo enviar correos masivos sin ser SPAM







Acepto la política de privacidad.



Comentários

  1. Jorge

    Excelente artículo. Para mi la calidad de los enlaces es fundamental. Una mala política de enlaces puede hundir un buen trabajo de optimización SEOnpage y de redacción de contenidos. En cuanto a la redacción, sin un buen trabajo de Keyword Research previo, ya podemos despedirnos de alcanzar nuestros objetivos. Saludos

    14/10/2019 - 15:10:10 Publicar una respuesta
  2. cupo en dolares

    Excelente aporte. y soy de los que que opino es mejor la cantidad que se vera reflejada en visitas.

    09/10/2019 - 21:48:38 Publicar una respuesta
  3. Leo Burgos

    Me gustó el post. Muchas gracias.

    08/10/2019 - 21:36:44 Publicar una respuesta
  4. Esther

    Muy buen post! A veces nos olvidamos que escribimos para personas, no para los buscadores 😉

    08/10/2019 - 18:08:39 Publicar una respuesta
    • Mailrelay

      Muchas veces sí 🙂

      09/10/2019 - 08:01:29 Publicar una respuesta
    • María Jesús Orellana

      La necesidad de obtener resultados lo más rápidamente posible es lo que hace que no prestemos atención a lo que relamente importa. Son las visitas de calidad hechas por personas con sus intereses y necesidades las que enrriquecen nuestra web.Hay que tener siempre en cuenta a los usuarios.

      09/10/2019 - 11:05:24 Publicar una respuesta
  5. Yosjany Roig

    Excelente artículo, yo incluiría algunos errores más:
    1. Asumir que siempre tienes la razón
    2. Negarse a aceptar críticas
    3. Mantener una escasa o nula retroalimentación con los redactores
    5. No corroborar la información
    6. No entender la diferencia entre escribir para el papel y para la web
    Saludos

    08/10/2019 - 15:08:51 Publicar una respuesta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Menu Title