Email marketing, redes sociais, SMS – o guia de comparação completo

Publicado por Micheli em 24/08/2021

Compreendendo que é impossível resolver uma controvérsia de mais de uma década em uma única postagem, não tentaremos quebrar o vínculo entre e-mails, mídia social e SMS.

Em vez disso, vamos delinear as vantagens e desvantagens dessas estratégias de marketing digital e descrever quais tipos de negócios se beneficiariam de cada uma delas mais do que de outras.

Vamos mergulhar direto nisso.

Visão geral do email marketing

O email marketing amadureceu e se tornou um meio de comunicação com objetivos muito mais amplos do que enviar spam para vendas frias a torto e a direito. No momento, os proprietários de empresas usam e-mails para uma ampla variedade de finalidades:

  • Oferecer conteúdo exclusivo apenas para visitantes cadastrados em seu site.
  • Entrar em contato com especialistas do setor, realizar campanhas de divulgação e relações públicas.
  • Ajudar clientes regulares e usuários de aplicativos com mensagens de boas-vindas, notas de agradecimento e outras mensagens transacionais.
  • Garantir a segurança dos usuários do aplicativo enviando mensagens de confirmação de inscrição por e-mail.

Com uma gama tão ampla de aplicativos, o email marketing por tem muito a oferecer aos proprietários de negócios. Vamos dar uma olhada nas principais vantagens desta estratégia :

Vantagens

Personalização

Muitos especialistas acreditam que o email marketing é o auge da personalização. Eles não estão errados. Os provedores de serviços de e-mail (ESPs) permitem que os profissionais de marketing segmentem audiências por um conjunto de critérios cirurgicamente precisos:

Localização.

Dependendo de onde moram os assinantes, eles receberão e-mails com conteúdo relevante do blog para a área local, com preços em moeda local, em um horário conveniente para seu fuso horário.

Demografia.

A criação de emails personalizados para assinantes de diferentes idades, gêneros e ocupações ajuda o público-alvo com ofertas relevantes.

Comportamento.

O email marketing permite que os proprietários de negócios desenvolvam ofertas atraentes e relevantes com base no comportamento do assinante no site. Este e-mail da Adidas é um excelente exemplo de segmentação baseada em comportamento.

Customer journey. Esse tipo de segmentação permite que os profissionais de marketing criem estratégias de comunicação diferentes para os assinantes, dependendo do estágio da jornada do cliente em que se encontram.

Mensurabilidade

“Você não pode gerenciar o que não pode medir “, diz o ditado. Felizmente, os profissionais de email marketing não precisam se preocupar em colocar tempo e esforço pelo ralo.

Existem dezenas de métricas e estatísticas que fornecem às equipes uma compreensão clara do desempenho de uma campanha. A maioria das ferramentas ESP rastreia automaticamente:

  •  Taxas de abertura
  •  Taxas de cliques
  •  Bounces
  •  Reclamações de spam
  •  Cancelamento de assinatura

Esta não é uma lista completa de métricas de marketing por e-mail, que os proprietários de negócios podem ter acesso. A gama de dados que uma equipe pode reunir depois de executar algumas campanhas é quase ilimitada. Mais tarde, os profissionais de marketing podem usar esses insights para melhorar as próximas campanhas. Por exemplo, você pode usar esses dados para reduzir as taxas de rejeição e muito mais.

Facilidade de teste

As equipes normalmente não têm uma segunda chance de causar uma primeira impressão matadora. É por isso que os profissionais de marketing vão além ao aprovar os designs e o conteúdo dos materiais promocionais.

O email marketing é um dos meios mais fáceis de trabalhar em termos de testes A/B. Com uma ampla variedade de ferramentas de teste, os profissionais de marketing podem eliminar totalmente as suposições na tomada de decisões.

Aqui estão os tipos mais comuns de testes de e-mail que as equipes executam antes de lançar uma campanha:

Informações do remetente. Avaliar se os assinantes respondem melhor ao ver o nome do remetente, o nome e o sobrenome, o nome e o nome de uma empresa ou apenas o nome da marca.

Linhas de assunto. Os profissionais de marketing executam testes para determinar qual linha de assunto funciona melhor, ou para ver se devem adicionar emojis, etc.

Personalização. Como seria melhor se dirigir ao leitor (Sr. Smith, John, John Smith, etc.).

Design de email. Os testes ajudam os profissionais de marketing a decidir entre um layout de coluna única ou dupla, estilo HTML ou texto simples, etc.

Mídia. Quantas imagens uma mensagem deve incluir, a que tamanho e qualidade os assinantes respondem melhor. Ou para saber se valeria a pena trabalhar com vídeo email marketing.

Além de garantir que o proprietário da empresa obtenha a maior conversão possível após o lançamento de uma campanha, o teste também evita danos à reputação da marca.

Enviar uma newsletter de testes ajudará a descobrir aspectos que devem ser melhorados na campanha.

Alto retorno do investimento

O email marketing oferece o melhor retorno do investimento entre diversas estratégias de marketing. Como há muito potencial de personalização e flexibilidade, os proprietários de negócios geralmente recebem cerca de US$ 44 em lucros para cada dólar gasto em campanhas de email marketing.

Para fins de comparação, vamos dar uma olhada no retorno do investimento para outros canais:

  • Marketing de afiliados – 36%
  •  Webinars – 25%
  •  Redes sociais – 19%
  •  Marketing de conteúdo – 17%
  •  Publicidade em vídeo – 11%

O email marketing é um campo promissor para a geração de leads e gerenciamento de retenção de clientes. No entanto, se você planeja lançar uma campanha, certifique-se de compreender os desafios que sua equipe poderá enfrentar ao longo do caminho.

Desvantagens

Atividade demorada

Se a sua equipe de marketing não consegue acompanhar as atividades em que a empresa já investiu, incluir o marketing por e-mail no mix pode não ser a melhor ideia. Pelo menos, criar uma nova campanha é altamente demorado. Aqui está uma análise detalhada de quantas horas sua equipe precisará:

  • Planejamento de campanha e desenho de uma estratégia – 4-8 horas.
  • Criação do design e conteúdo – 8 a 10 horas.
  • Otimização do email para smartphones – 2-4 horas.
  • Teste da campanha, lançamento, relatórios – até 6 horas.

No total, dependendo de vários aspectos, uma equipe de marketing precisaria de até 30 horas para lançar uma campanha por email. Os gerentes precisam considerar cuidadosamente se estão prontos para investir  tanto tempo em marketing por e-mail.

É preciso experiência e prática

Há muitos obstáculos que uma equipe de marketing precisa superar antes de desvendar o segredo do email perfeito. Muitos fatores afetam a taxa de entrega do email e outras métricas. Portanto, ao trabalhar em campanhas de email, você deve evitar palavras-spam, guia “Promoções”, definir a autenticação de e-mail corretamente (DMARC e outros métodos), testar HTML, trabalhar no conteúdo e dezenas de ações.

Pegar o jeito desses e de outros fatores que influenciam o desempenho das campanhas de email marketing leva tempo e exige experiência. O sucesso no marketing por e mail exige muitas tentativas e erros.

Fluxo de trabalho complicado

Aqui está um conjunto de etapas que você deve seguir, em média, ao executar campanhas de marketing por e-mail:

  •  Criar uma lista de assinantes.
  •  Segmentar a base de assinantes
  •  Otimização da infraestrutura
  •  Crie várias versões de designs de e-mail para testar
  •  Execute testes A/B.
  •  Analise os resultados dos testes e ajuste os designs.
  •  Envie uma newsletter
  •  Gerencie feedback (respondendo a e-mails de usuários)
  •  Rastreie as métricas da campanha.

Há uma série de etapas a serem concluídas antes que você alcance a meta de criar uma campanha de sucesso. Além disso, a maioria delas exige investimento em ferramentas de design ou marketing por e-mail.

Assim, criar uma campanha de email marketing sem um objetivo bem definido e um público engajado pode ser uma perda de tempo e esforços de sua equipe.

Visão geral do marketing de mídia social

Não é nenhuma surpresa que mais proprietários de empresas estejam ansiosos para explorar o potencial do marketing e da publicidade nas mídias sociais. Usamos Twitter, Facebook, YouTube, Instagram e outras plataformas o tempo todo.

O potencial das plataformas de mídia social é enorme, principalmente graças ao seu alto potencial de compartilhamento. No marketing digital, as plataformas de mídia social são a substituição mais eficaz para a promoção boca a boca.

Você tem enormes oportunidades de construir sua estratégia de SMM. Até os concorrentes podem ajudar com isso, como no exemplo abaixo.

No entanto, vários desafios precisam ser enfrentados com audiências maiores, alta viralidade de conteúdo e configurações de objetivos flexíveis.

Vantagens

Milhões de usuários

Não podemos negar que as plataformas de mídias sociais controlam nosso tempo e atenção. Vamos supor que um usuário médio passe pelo menos 2 horas por dia navegando no Facebook, Instagram e outros feeds.

Comparado ao marketing por e-mail e SMS, a promoção de mídia social ganha em alcance de público em grande número. Estatisticamente, apenas os anúncios no Instagram podem alcançar mais de 928 milhões de pessoas em todo o mundo.

Engajamento constante

Promover o seu negócio nas redes sociais é uma maneira poderosa de construir uma conexão duradoura com clientes potenciais e recorrentes. Compartilhando consistentemente conteúdo valioso e qualitativo com seus seguidores, você poderá promover engajamento de forma orgânica.

Aqui está um exemplo de como a mídia social oferece aos empreendedores um alto envolvimento do público:

  • Ao compartilhar postagens de marca com seus círculos sociais, seus seguidores melhorarão o conhecimento da marca e a publicidade boca a boca orgânica.
  • Ver as postagens que uma empresa compartilha em seu feed de notícias incentiva os seguidores relutantes a considerar a escolha de seu produto em vez de alternativas ao comprar.
  • Os seguidores de páginas de mídia social podem escolher a maneira mais confortável de expressar sua atitude em relação às marcas, seja curtindo, compartilhando, comentando em uma postagem ou preenchendo  um código QR compartilhado em uma postagem

Insightfulness

Conforme os profissionais de marketing realizam campanhas de mídia social, eles obtêm muitos dados relacionados ao público-alvo no processo. Ter uma melhor compreensão de quanto tempo os usuários passam interagindo com o anúncio, e quando eles respondem melhor, assim como os tipos de conteúdo que as pessoas compartilham, ajuda os gerentes de negócios a tomar decisões ponderadas e baseadas em dados.

Além disso, ao contrário do email marketing e da promoção por SMS, os profissionais de marketing que trabalham com mídia social não precisam reunir os dados de contato do público-alvo manualmente para iniciar uma campanha.

Com uma variedade de algoritmos flexíveis, as plataformas de mídia social exibem os anúncios de sua marca para milhões de pessoas. Não há necessidade de configurar a infraestrutura do zero ou obter o  consentimento  de todos os seguidores para começar a compartilhar conteúdo relacionado à marca.

A promoção nas redes sociais é uma parte importante da identidade da marca.

A maioria dos clientes confia nessas plataformas para tomar decisões de compra. Não é surpreendente que, para muitas empresas, ter a página da marca no Instagram ou a loja do Facebook seja a maneira mais perspicaz para entender o comportamento e as preferências de seus clientes.

Desvantagens

Implementação cara

Compradores em potencial e usuários de aplicativos podem ficar felizes em clicar em seu anúncio, desde que o vejam.

Fazer com que as pessoas vejam sua mensagem exige muito tempo, esforço e recursos.

Em média, o gerenciamento de contas de mídia social pode exigir milhares de dólares americanos por mês. O dimensionamento de suas atividades de mídia social requer o uso de ferramentas especiais.

Seria útil definir uma ferramenta de gerenciamento de mídia social, como Buffer, Sprout Social, ContentStudio, Social Pilot ou qualquer outra disponível. Na verdade, depende do tamanho e do orçamento da empresa. Alguns dos serviços são gratuitos, mas para obter mais vantagens, você deve adquirir planos pagos. Junte a esta mistura o preço de cada campanha de mídia social e os gastos explodirão!

Aqui está o detalhamento de um orçamento mínimo diário de publicidade para as principais plataformas de mídia social:

Facebook$0.97 por clique
Youtube$3.20 por clique
Instagram$3.50 por clique
LinkedIn$5.25 por clique
Twitter$0.40 por clique
Pinterest$1.50 por clique

É impossível criar estratégias de publicidade à longo prazo

Plataformas de mídia social e formatos de conteúdo saem de moda tão rápido quanto aparecem. Os profissionais de marketing precisam observar as novas tendências e se adaptar a elas com cuidado. Caso contrário, as conversões de sua próxima campanha podem cair drasticamente, o que levaria a uma perda de recursos.

A natureza orientada para tendências das redes sociais requer esforço e comprometimento extra por parte da equipe de marketing. Para isso, as campanhas de marketing por e-mail e SMS oferecem mais estabilidade.

O público das redes sociais é sensível

Quando o Snapchat começou a promover o jogo “who would you rather” (Quem você prefere, a marca usou esta imagem para anunciar o novo recurso:

Considerando que a postagem faz referência direta ao escândalo Chris Brown/Rihanna, a Internet explodiu quando o anúncio foi publicado. As reações foram muito negativas, e a própria cantora postou conteúdo  repudiando o anúncio em seu perfil do Instagram. A campanha gerou tanta revolta que o Snapchat teve que publicar uma declaração de desculpas mais tarde e cancelar o anúncio.

Portanto, você precisa ser extremamente cuidadoso ao lançar campanhas nas redes sociais. É fácil parecer insensível e sofrer danos à reputação em vez de altas taxas de conversão. Você precisa considerar o uso de testes A/B em suas campanhas para minimizar as chances de tal cenário.

Visão geral de marketing de SMS

O marketing por SMS ainda é uma forma popular de adquirir e manter contato com clientes e usuários de aplicativos.

Embora usar textos como um canal de marketing seja uma ideia de décadas, existem bilhões de usuários de celulares, então mais e mais empresários estão considerando dar uma segunda oportunidade ao marketing  de SMS.

Alta capacidade de entrega

Ao contrário dos e-mails, os textos não são controlados com tanta rigidez pelas empresas de rede. É por isso que as taxas de rejeição normalmente são extremamente baixas em campanhas de marketing de SMS,  a menos que o assinante informe um número errado por engano.

Quanto às taxas de abertura, as campanhas de textos conseguem obter resultados muito maiores do que email marketing ou redes sociais.

Os usuários de smartphones abrem 98% dos SMS que recebem (em comparação com 20% dos e-mails). Altas taxas de entrega e engajamento estão entre os principais motivos pelos quais muitas equipes de marketing ainda dependem do marketing de SMS em vez de escolher os canais de marketing da moda.

Confiabilidade

Todos os usuários de sua lista receberão mensagens da empresa. Isso não é algo que você pode dizer sobre e-mails ou mídia social.

Além disso, é mais provável que as pessoas respondam às mensagens do que aos e-mails devido à alta confiança. Assim, as campanhas de SMS normalmente têm um engajamento maior do que outros tipos de anúncios.

Franqueza

De acordo com as estatísticas, 81% dos adultos americanos são usuários ativos de smartphones. Embora frequentar as redes sociais ou verificar e-mails seja opcional, carregar um telefone no bolso tornou-se vital nos dias de hoje.

Portanto, quando os profissionais de marketing procuram uma maneira eficiente de entrar em contato direto com os clientes em potencial, os textos no smartphone são uma forma poderosa de resolver o problema.

Eles chegam instantaneamente, têm um alcance mais amplo e são uma ferramenta poderosa para expandir o produto para consumidores em países em desenvolvimento – esses mercados ainda não abraçaram o uso generalizado da Internet.

Desvantagens

É necessário solicitar autorização antes de enviar uma campanha de SMS

Isso explica as altas taxas de entrega e confiabilidade. Mas antes que os proprietários de negócios possam entrar em contato com clientes em potencial, eles precisam convencer os assinantes em potencial a compartilhar um número de telefone celular válido com a empresa. Hoje em dia, mais e mais pessoas estão cientes dos perigos de compartilhar dados privados com terceiros. Portanto, fazer com que os usuários   aceitem receber SMS comercial está cada vez mais difícil.

Custos elevados

Vamos encarar os fatos, gerenciar campanhas de marketing por SMS é caro. Mesmo considerando que o custo de uma única mensagem seja de cerca de US $ 0,01, não é fácil encontrar ferramentas confiáveis no mercado, uma vez que muitas empresas usam técnicas ilegais para entregar as mensagens. Assim sendo, muitas marcas optam por montar uma estrutura própria, o que eleva o custo das campanhas drasticamente.

Além disso, para enviar SMS aos usuários, os proprietários de negócios precisam investir fortemente na aquisição de cada um dos contatos.

Falta de personalização

Quando se trata de conteúdo e personalização, o marketing por SMS não é nem de longe tão versátil quanto campanhas de email e mídia social.

Existem algumas maneiras de criar textos atraentes e valiosos. Como as mensagens SMS são geralmente curtas, não têm imagens e não oferecem muito espaço para personalização, os profissionais de marketing as usam principalmente para enviar ofertas curtas de desconto e notificações.

O que é melhor para você?

Em vez de um encerramento tradicional, podemos focar em uma tabela de comparação de três estratégias de marketing digital.

EmailRedes sociaisSMS
ProsÉ altamente personalizado, mensurável e eficiente em termos de ROI.Possui altas taxas de engajamento e cobertura. Pode dizer muito sobre o comportamento do usuário.

 

Os pontos fortes dessa estratégia são alta taxa de entrega, confiabilidade e confiança.
ContrasFluxo de trabalho demorado e complexo, é necessária muita experiência.Caro, já que as coisas mudam rapidamente. O público é muito exigente para este tipo de conteúdo.Personalização cara, difícil, comunicação unilateral.
Quando usar
  • Newsletters
  •  E-mails transacionais de aplicativos / sites.
  •  Campanhas de divulgação
  • Campanhas de conscientização da marca
  • Campanhas promocionais B2C
  • Notificações
  •  Atualizações baseadas em localização

Lembre-se de que nenhuma dessas estratégias é independente. Sinta-se à vontade para usá-las de forma intercambiável. Dedique um tempo para criar uma estratégia de marketing personalizada, levando em consideração os objetivos de negócios da empresa, orçamento e o conjunto de habilidades de sua equipe.

Traduzido por Micheli.

 

Inscreva-se na newsletter da Mailrelay:

Não vamos oferecer-lhe o típico PDF ou ebook que você nunca irá ler (você sabe que isto é verdade). Prometemos enviar-lhe conteúdo de qualidade periodicamente, com informações úteis para ajudá-lo em sua estratégia de email marketing.

Também não vamos encher sua caixa de entrada com emails de venda, só vamos enviar-lhe artigos e dicas relevantes para seu negócio.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Menu Title